domingo, 27 de janeiro de 2013

Sirvam -se de arroz doce em faiança a lembrar Aveiro

Um bom amigo enviou-me um e-mail com esta agradável surpresa de ficar com água na boca - arroz doce num prato da faiança  - seria uma grande probabilidade de ter sido pintado na fábrica S. Roque  em Aveiro se não se tratasse de  uma reprodução da Oficina
OFceramics - os seus produtos são reproduções da faiança portuguesa dos séculos XIX e XX. Os principais formatos das peças são os pratos, as travessas e as bilhas.

O que tem o caso de fascinante  além do gesto simpático e carinhoso?

 - 1º - no centro do País o arroz doce sempre foi uma iguaria enraizada que se oferece a quem se quer bem, e a convidados para  casamentos.
- 2º - a decoração da faiança - uma verdadeira relíquia na temática  floral e da linguagem do amor com um coração vermelho ao centro encimado por passarinho sob um galho floral, em rodapé ramos com cravos vermelhos e outras flores . O limite do covo apresenta um fino filete em azul tal como no rebordo, a aba com estampa floral em 4 reservas, recortada por dois filetes largos a ocre.
- 3º - o arroz doce tem um aspeto divinal - amei os círculos da canela. Em miúda recordo a minha mãe que tinha a criatividade de escrever o meu nome, fazia corações, flores...eu não tenho jeito para esfarelar o pozinho ,e fazer como ela, por isso espalho à laia de vento como mostro na foto abaixo.
Há tempos postei um prato da Fábrica de S. Roque muito mais singelo na pintura no entanto julgo seu meio irmão  que comprei na feira de Azeitão. 
Analisando o  prato gentilmente enviado estar a ser usado para comer o arroz doce , de aspeto novo sem marcas das trempes (?)  -  avento a hipótese de se tratar de uma reprodução . A decoração antiga não seria tão exuberante.De qualquer das formas é muito interessante a aposta na continuidade do que é genuinamente português.E que linda é esta loiça de novo nas nossas casas.

O meu arroz doce servido em prato de vidro...há falta de um em faiança ricamente decorado como o da oficina do meu bom amigo JS...
Muito agradecida  - vou publicar no facebook.
Amazing!

2 comentários:

  1. Olá MIsa
    Bonitos os seus pratos e apetitoso o arroz doce.
    Lembro-me de fazer uns pequenos canudos em papel vegetal, com a ponta muito fina, onde colocava o pó de canela. Com jeito e paciência, ia desenhando, dando largas à fantasia, nem sempre correspondentes ao que tinha imaginado.
    Cumprimentos
    if

    ResponderExcluir
  2. Olá IF seja bem vinda. Muito obrigada pelo seu comentário,pelos elogios na escolha da faiança e do aspeto do arroz doce - o segredo são os ovos caseiros do galinheiro da minha mãe.Uma das minhas especialidades - pelo natal costumo fazer, ofereço à família e vizinhos em Ansião.Obrigada pela dica do cartuchinho em papel vegetal.Vou experimentar.
    Cumprimentos
    MIsa

    ResponderExcluir

Souvenir da Fábrica Cesol de Coimbra

Caneca da Fábrica CESOL de Coimbra anos 50. Pintura monocromática em castanho . Imagem de Nossa Senhora da Rocha dentro de um coração en...