Faiança de Vilar de Mouros açucareiro ou compoteira

Na feira em Tomar, tinha mais perspectiva de negócio, mas o dia convidava a veraneio, fiquei-me pelos 50€. Comprei esta bela peça de faiança de Vilar de Mouros século XIX. Não sei se teria sido um açucareiro ou compoteira .O vendedor tinha peças de faiança de cair para o chão em belíssimo estado de conservação. Um galheteiro completo, pratos grandes de Coimbra, Cavaco, Sacavém e...

Lembrei-me assim que a vi no estaminé no chão de uma muito semelhante há tempos aqui postada pela Maria Andrade e também se não me engano a IF tem uma parecida.E claro eu "invejosa" quis também ter a minha!

Não...não sou invejosa...brincava. O que mais me atraiu na peça foi a elegância, se repararem a parte bojuda é feita de duas partes e não numa só como habitualmente.
As asinhas são em monograma, um "M"...Delicadas.
Adorei a decoração, folhas pontiagudas a duas cores, azul e borra de vinho bem escuro.
O esmalte é ligeiramente mais escuro .
Interessante nas últimas feiras tenho encontrado muita faiança com esmalte cor de grão e folhagem igual a esta, pontiaguda , também com uma variante, um azul igual ao da flor do alecrim.
Para mim só poderia ser faiança de Coimbra ou do norte. Agora depois desta malga com tampa,as minhas dúvidas ficaram dissipadas, ainda os pontinhos ou tracinhos na decoração a duas cores que são raros até alguém me comprovar o contrário, que não é faiança de Coimbra.

O melhor é que comprei todas as peças com desconto ...por ser colega. 
Esta peça custou-me mesmo assim 20€, estava marcada 30.Imaginem um grande prato de Coimbra impecável com um esmalte maravilhoso pedia 90,vendia por 80 e a mim fazia 60....Pois!

Comentários

  1. Olá Maria Isabel,
    Embora soubesse que estava de férias, notou-se muito a sua ausência aqui no blogue e ainda bem que está de volta.
    Já tinha visto as duas primeiras peças, resultado das aquisições que fez aos “colegas”, mas a vedeta aqui é realmente a malga coberta ou pequena sopeira, já que tem pegas.
    Que linda peça para a sua coleção! Gostei muito do formato e dos tons do raminho que a decoram e mesmo as pegas são uma graça.
    E foi uma sortuda em tê-la conseguido por esse preço, como colega, claro.
    Só tenho pena que as três últimas fotografias estejam deitadas... :)
    Quanto ao nosso agradável encontro e à descrição que aqui faz da minha pessoa, tenho que reconhecer que o seu olhar é generoso e a sua escrita criativa exagerou bastante nos atributos, mas agradeço-lhe na mesma tudo o que disse a meu respeito.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá Maria Andrade, que agradável estar de volta aos seus comentários, acredite também estava com saudades.
    De facto a malga coberta ou sopeira é uma graça, por ser mui delicada quer no formato quer na decoração da ramagem fina.A minha melhor peça.Não trouxe nenhuma por isso não posso tirar outras fotos....eheheh e estas tirei às pressas,para mostrar a base e a forma bojuda que não é direita, digamos que tem uma 1º onda e depois nasce a 2ª maior que lhe confere requinte.

    Quanto a si não exagerei nadinha de nada, aliás até disse pouco, se eu tivesse no passado a sorte de ter Professoras da sua estirpe acredito hoje seria mais dotada em línguas que nada sei, porque no português vou aqui e ali aprendendo alguma coisa consigo. Por isso o meu muito obrigado pela simpatia, franqueza e simplicidade que me tinha faltado acrescentar, lembrei-me de noite no meio de uma insónia...

    Filtrei em si gestos de voluntariado, bondade e prazer de ajudar, então não se ofereceu para catalogar as peças de faiança do Museu da Figueira da Foz, o responsável se não aproveitar das duas uma, ou não está no posto certo ou então prefere que o espólio fique como está num marasmo! No caso ficam a perder todas as pessoas que apreciam a faiança e porcelana portuguesa, Chinesa, inglesa, holandesa e até espanhola.
    Atrevo-me a dizer que terá sempre o Museu do Rabaçal ou Cominbriga onde tem raízes e acredito
    Tem um leque de potencialidades para intervir no pelouro da Cultura, há que atrever-se politicamente, doutra forma julgo que não há chances de entrar, agora que está mais disponível tem muito para oferecer à comunidade e que acredito lhe dará também muitas alegrias .
    Eu fico desde já imensamente grata

    ResponderExcluir
  3. Maria Andrade,o meu Pc anda flipado...passou-se, ao tentar fazer a emenda de Conimbriga fechou o comentário...queria eu dizer que Penela tinha um presidente de Câmara moderno,julgo que agora foi para membro do governo,o staf camarário deve continuar...moderno. O concelho tem muita potencialidade para explorar que acredito a Maria Andrade ajudaria e muito.O convento, julgo que ainda particular, é uma pena não ser reconvertido, tive uma cliente velhinha D. Flávia que chegou a entrar nele para ver a dona acamada, na altura disse-me que os claustros estavam atulhados de lenha...
    A matriz no restauro encontraram azulejos islâmicos e ostenta na frontaria a ladeara o portal rostos de um homem e de uma mulher como era uso pelos romanos. A aldeia da sua querida avó deve ter muito para dizer, castiça perdida nas faldas dos montes com nogueiras e vinhas.
    Por estas terras ou por outras terá muito para ajudar a fazer e assim ficar perpetuado para o futuro,o mais importante.
    Desculpe o arrozado...
    Beijos
    Isabel

    ResponderExcluir
  4. Cara Maria Isabel
    Parabéns,parabéns, pelas recentes aquisições, especialmente as duas últimas , e destas, a malga ou sopeira, tem um encanto especial,desde a forma à decoração.O raminho é muito diferente do que costumamos encontrar e o artista, talvez se tenha inspirado nas flores de alfazema.
    Beijos
    Maria Paula

    ResponderExcluir
  5. Olá Maria Paula que saudades de si.
    Dos amigos aqui conhecidos só me falta conhecer ao vivo a si o Manel,o Flávio, o Saraiva e...devagarinho vou conhecendo, acredite um fascínio maior!

    A decoração fina, pontiaguda, foi um tipo usado em esmalte cor de grão que ultimamente tem aparecido com grande frequência em feiras. Pratões muito gastos, outros bons, caros, ainda hei-de ter um com esta folhagem.As cores predominantes são o castanho escuro tipo borra de vinho, o azul da cor da flor do alecrim e castanhos claros.Muitos pratos no meu entender abusaram desta tonalidade azul que por ser forte torna-o um pouco berrante, deixei de comprar um que andou tempos na banca e por fim até fazia um preço otimo,tinha uma grande folha ao centro toda dessa cor que no caso achei exagerada.
    Beijos
    Isabel

    ResponderExcluir
  6. Ola Maria Isabel!!!

    Vejo que os seus clientes ficaram a ganhar, e á Maria Andrade calhou-lhe a sorte grande por te-la conhecido!!

    Fico feliz por o negocio lhe ter corrido bem e pelas suas aquisições.

    Tambem fiz as minhas estas férias.. Depois mostro, algumas já estão disponível.. Como uma terrina de sacavem e umas peças da VA..

    Espero um dia ve-la por Leiria!!!

    Acho a sua ultima peça uma doçura e uma raridade!!!


    Um grande abraço

    Flávio

    ResponderExcluir
  7. Olá Flávio, muito obrigado pelo seu...teu comentário.
    Não fiz a feira de Leiria porque me disseram que a pessoa que articula os espaços é muito esquisita e exigente com os feirantes, tem de ter cartão, e eu ainda não tenho, mas vou tratar.

    Imagina que na feira de Miranda do Corvo vendi um belo prato que o cliente dizia ser Alcântara, eu acho que é Sacavém, na conversa de falar... disse que tinha um blog e que gostava das feiras e do contato humano e naquilo até disse que o mais fascinante é a panóplia de pessoas ser tão basta, as idades, os conhecimentos, os afetos que se adquirem e num relance falei em si...em ti, que sendo um homem novinho um dia ao passar no IC 8 se lembrou de mim ao passar por Ansião....rematei ainda, o Flávio que podia ser meu filhote é uma raridade na adolescência de hoje...naquilo o senhor vira-se para mim e diz-me, não me diga que esse Flávio que fala é o Teixeira...rimos a bom rir. O nosso Portugal é tão pequenino, afinal conhecemo-nos todos, no caso o tal senhor travou contato contigo sobre uns azulejos e mora na zona de Oeiras e tem casa no Espinhal.

    Beijos
    Isabel

    ResponderExcluir
  8. Ola Isabel!


    Ahahah estou a ficar famoso!!!

    =D

    Tenho de ter cuidado com os paparazzi.!!!

    Ainda esta semana recebi um telefonema de uma senhora que me quer vender uma herança! Deram-lhe o meu contacto telefonico mas são raras as pessoas que tem o meu nr... Ainda não sei quem lho deu =D

    Alcantara e Sacavem são muito identicas... se o motivo não for de sacavem quase de certo que é de alcantara...

    Azulejos de Sacavém? Acho que não lhos cheguei a comprar por não haver consentimento no preço ahahah

    Deu o meu contacto blogueiro? =D

    Fico feliz por se ter lembrado de mim!!

    Realmente a coordenadora não é muito simpática, mas experimente a feira da Batalha ou São Martinho do Porto

    Um abraço e bj

    ResponderExcluir
  9. Amiga querida!
    Mas que compras maravilhosas!!!!!
    Menina, estou encantada!
    Oh! se tivesse esta oportunidade...enlouqueceria rsrsrs
    bjs
    Tina (MEU CANTINHO NA ROÇA)

    ResponderExcluir
  10. Olá Tina, muito obrigada pelo seu comentário.
    De facto tive sorte nas aquisições.
    As oportunidades criam-se. Por certo por ai também se fazem feiras de velharias que tal experimentar, levar uma série de coisas velhas que para si não tem mais interesse e despachar...nas outras bancas haverá algo que lhe desperte e compra...é assim que funcionam. O contato humano é extraordinário por ser anónimo que com o tempo se vai fidelizando.
    Beijos
    Isabel

    ResponderExcluir
  11. Ola Maria Isabel


    Amanha uma das maiores feiras da região de Leiria

    São Martinho do Porto

    "Eu vou"

    Ahahah

    Bom fim de semana

    Bj
    Flávio Teixeira

    ResponderExcluir
  12. Oi amiga querida
    Me lembrei de voce vendo o blog da minha cunhada, ela mostra ali sua coleção de xícaras, e conta a hstória da empresa que a fabricou...e hoje ela mostrou uma xicara VistA Alegre, amei!
    se voce tiver um tempinho vai lá no blog dela, tenho certeza que voce vai gostar
    beijinhos
    Tenha um lindo fim de semana
    Tina ( SONHAR E REALIZAR)
    o endereço do blog é
    http://tassescups-gracia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá Flávio
    Brigada...eu desforrei-me na feira de Algés e comprei coisas lindas...
    Bj
    Isabel

    ResponderExcluir
  14. Oi Tina querida
    Muito obrigado pela dica do blog da sua cunhada. Muito bom mesmo. Gostei imenso.
    Tenho notado que existem vários brasileiros muito interessados na porcelana e faiança quer estrangeira, portuguesa ou brasileira.
    Uma boa semana para si e família.
    Bjs
    Isabel

    ResponderExcluir
  15. Ola Maria Isabel!


    Eu tambem comprei imensas coisas VA E sacavém claro =D

    Troquei contactos com vendedores amigos que ficaram imensamente surpreendido por eu ser o Flavio Teixeira =D ahahah

    Um senhor disse: Trapos Cacos e Velharias? Eu vou a esse blog? Deu-me um bacalhau e ofereceu-me uma peça =D ahahahah


    Bjinho

    Flávio

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas