Bule de faiança estampado com ave fabrico do norte (?)

Numa das últimas feiras de Algés encontrei este bule de faiança que me cativou pela pintura vegetalista com um pássaro. O preço era convidativo tinha sofrido um acidente, a tampa faltava-lhe a pega e o pé do bule apresentava uma falha recente, a cor do barro em vermelho ainda estava virgem...
A decoração apresenta-se no bojo do bule com ramos em tons a manganês e folhagem pintada a verde e aguada, o pássaro em policromia vermelho e azul, abaixo dele  um círculo floral em decalque com pinturas a cheio e vermelho, pelo menos uma aventa ser um coração.Completa a decoração com filetes finos em manganês na tampa e no pé do bule, igualmente finos a azul na asa e no bico, para fechar com dois largos na boca do bule e na aba da tampa em amarelo claro.
A tampa como referi não tinha pega, adaptei uma tampa de galheteiro que também por casualidade tem a cor manganês, apenas está colada, falta a pintura em volta.
A asa apresenta-se rugosa, resulto do calor  no forno, sendo fabrico artesanal sem termómetros, era uma situação decorrente e aqui bem visível.
 Evidência do barro utilizado - vermelho que sobressai no esmaltado lácteo a puxar para cinza/azulado.
Apesar de ainda não estar pronto,já lhe arranjei lugar...
Este tipo de pintura em estampagem com aves foi usada desde meados do séc.XIX ao XX. Em Coimbra, Alcobaça e no norte.
A cor do barro  reporta-me para o centro de fabrico de Coimbra, contudo pela pintura estriada, se repararem no pássaro não se apresenta a cheio integral, apresenta riscos, uma carateristica de Gaia da Fábrica Cavaco num determinado período tal como a cor do esmalte cinza/azulado. E sabendo que só as fábricas com mais posses mandavam vir de Lisboa o barro branco para a sua produção, outras o misturavam com o vermelho dominante na região faz sentido dizer que na falta de barro branco usavam só vermelho (?).

Comentários

  1. Boa noite Isa, gostei do bule. Muito bonito. Esta faiança estampada (também já ouvi chamar "estampilhada") do fim do sec XIX é muito Portuguesa...modesta mas linda.

    ResponderExcluir
  2. Olá Carlos Martins é como bem diz, um bule modesto mas gracioso, a pintura estampada ou estampilhada para mim é a mesma coisa, fruto de uma estampa com tinta que a retrata na loiça, em pratos a barra em geral nota-se a colagem da estampa, quase sempre mal o acerto. Quando este método inglés entrou em Portugal por volta dos meados de 1850, tornou-se um modelo fácil de produzir em série como outros, que Sacavém no modelo "cavalinho" é disso notório. Houve outro métodos como a chapa de folha de Flandres, os esponjados com esponja do mar, rolha de cortiça e...
    Um abraço

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas