Fábrica das Devezas no motivo cavalinho

Encontrei esta travessa num estaminé de chão-, espólio de avós que o neto se desfazia a troco de euros...

É bem verdade que a "estampa cavalinho" se desgasta no tempo pela abundância no mercado....pelo menos para mim.  Porém será sempre interessante e gratificante contemplar porque foi a primeira peça que colecionei-, da minha avó, em verde de Sacavém .
  • Gosto desta tonalidade grená, já vi  na mesma fábrica um ramo de cravos da mesma cor
O interessante neste motivo é a forma como foi alterado -, embora se pareça no olhar o mesmo,  não o é -, difere. Se tiverem atenção o cavalo tanto se apresenta pela direita como pela esquerda, tal como diferenças no pedestal, paisagem e bordadura. O mesmo aconteceu no motivo Cantão Popular, julgo que em mais nenhum outro motivo tão vastamente pintado se mostra assim diverso. Mas acrescente quem mais saiba.

Esta minha travessa de Sacavém, motivo Granito


Ora a travessa maravilhou-me pela cor em vermelho.
  • Fabrico da Fábrica Devezas de Gaia.Marcada no tardoz no verso com marca vermelha.
Revela uma textura  de grande porosidade no tardoz e até na frente, tais os buraquinhos que a massa apresenta, fruto quiçá de argilas com mistura de detritos que na amassadura não se agregam em homogeneidade e na cozedura se abrem para a saída de ar...Tal como acontece nos bolos, se não forem bem batidos para saída das bolhas de ar.
Neste fim de semana além destas duas comprei outra em verde aberto -, Corticeira, Porto que não registei a foto. A de Sacavém também é linda pela homogeneidade, bem pesada e consistente. Sea tivessem mantido no tempo esta textura a loiça seria muito mais valiosa.
  • Ora ficam as duas na minha coleção junto de outra da Coticeira do Portoem amarelo torrado.
 

Comentários

  1. MIsa
    Parabéns pela sua travessa. É muito bonita e elegante.
    if

    ResponderExcluir
  2. Cara IF muito obrigada pela cortesia da visita e pelo elogio à travessa..

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas