Faiança Manuel da Bernarda de Alcobaça (?)

Prato  covo com 35 cm de diâmetro, mal o vi perdi-me de amores.
  • Adoro pratos grandes, tal amor só igual nas miniaturas. Apaixona-me a explosão do desenho, revela no meu entender mão de pintor(a) de mente aberta, alegre  e sonhadora.
 

Claro que me catapultou para fabrico de Coimbra ainda antes de ter descoberto a marca gravada na pasta ao centro no tardoz "A" ... 
Aventa ser Alcobaça
No recente Museu De Jorge Sampaio em Alcobaça está patente um travessa com a mesma decoração.

Fabrico dos finais do século XIX. Marca ao centro, a melhor que consegui.
 
Tardoz gateado em esmalte branco translúcido apresenta uma pequena marca ao centro -, "A" manual, pequeno, gravado na pasta. 
  • Travessa da banca do Jorge de Coimbra, fabrico de Coimbra  ou Alcobaça(?)
  • A maior alegria foi ouvir da minha filha - gosto muito do prato!

Comentários

  1. Olá Isabel, realmente é fantástico, muito bonito mesmo, gosto muito da faiança coimbrã colorida e com motivos fantásticos.Parabéns, o motivo tem muito movimento.
    Abraço e bfsemana, js

    ResponderExcluir
  2. Olá Jorge Saraiva.Ainda bem que gostou do prato é de fato bonito.Dá-nos uma sensação de pintura contemporânea pelo movimento dos arabescos.
    Retribuo os cumprimentos. Amanhã vou fazer a feira de Setúbal e domingo praia.
    Abraço
    Isabel

    ResponderExcluir
  3. Olá, devo dar-lhe os meus parabéns porque de facto este prato é lindíssimo! Se o visse numa feira também me apaixonaria por ele.
    Um abraço
    Margarida

    ResponderExcluir
  4. Olá Ana Margarida seja bem vinda ao meu blog. Acredite é ainda mais bonito contempla -lo na parede.Talvez pela brancura que emana com os arabescos verdes e a sincronia das estampas em vermelho - exala alegria e por isso o fascínio julgo.
    Um abraço
    Isabel

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas